Cruzeiro/MG [BRA]

Atualizado em 09/01/2017
Nome Oficial Cruzeiro Esporte Clube
Fundação  02/01/1921
Status Atual  Em atividade
Endereço  Rua Timbiras, 2903
Bairro  Barro Preto
Cidade  Belo Horizonte
Estado  Minas Gerais
CEP  30140-062
País  Brasil
Retrospecto  Clique aqui para ver todos os campeonatos com participação deste time
Localização 
Telefone  (31)3349-1500
Apelido  Raposa
Mascote  Raposa
Uniforme 
Nome Anterior  Palestra Mineiro
Equipe Ranqueada  Cruzeiro
Grafia Orig. 
Grafia Orig. Oficial 
CNPJ 
Site Oficial  www.cruzeiro.com.br
Outros Sites  mailto:crupres@clube.cruzeiro.com.br
Outros Sites 
Estádios  Magalhães Pinto (Mineirão), Belo Horizonte/MG, Brasil
Raimundo Sampaio (Independência), Belo Horizonte/MG, Brasil
Minas Gerais (Mineirão), Belo Horizonte/MG, Brasil
Otacílio Negrão de Lima (Alameda), Belo Horizonte/MG, Brasil
Juscelino Kubitschek (Barro Preto), Belo Horizonte/MG, Brasil
Antônio Carlos, Belo Horizonte/MG, Brasil
Arena Pantanal, Cuiabá/MT, Brasil
Mané Garrincha (Nacional), Brasília/DF, Brasil
João Havelange (Parque do Sabiá), Uberlândia/MG, Brasil
Joaquim Henrique Nogueira (Arena do Jacaré ou Nogueirão), Sete Lagoas/MG, Brasil
Dilzon Luís de Melo (Melão), Varginha/MG, Brasil
João Lamego Netto (Lamegão, Ipatingão), Ipatinga/MG, Brasil
José Américo de Almeida Filho (Almeidão), João Pessoa/PB, Brasil
Rei Pelé (Trapichão), Maceió/AL, Brasil
Epaminondas Mendes Brito (Ipatingão), Ipatinga/MG, Brasil
Histórico  O Cruzeiro Esporte Clube é uma agremiação da cidade de Belo Horizonte (MG). A Raposa nasceu através do esforço de desportistas da comunidade italiana em Belo Horizonte, com o nome de Societá Sportiva Palestra Itália, em 2 de janeiro de 1921.

Dos anos iniciais, datam os primeiros ídolos e conquistas do Palestra, como o tricampeonato estadual de 1928, 1929 e 1930, com uma equipe que contava com os lendários Ninão, Nininho, Bengala e Piorra. Em 1942, com a entrada do Brasil na 2ª Guerra Mundial, um decreto de lei do governo federal proibiu o uso de termos que remetem à Itália em entidades, instituições e estabelecimentos no Brasil.
Com isso, o Palestra Itália mudou de nome para Palestra Mineiro em 30/01/1942. Ficou com este nome até 01/10/1942. Em 02/10/1942 mudou extra-oficialmente o nome para Ypiranga EC por sugestão do presidente. A imprensa acabou utilizando este nome durante a semana. Em 07/10/1942, via assembleia, decidiu-se pelo nome definitivo: Cruzeiro EC. A estreia com o nome novo deu-se em 14/02/1943.

O nome escolhido, Cruzeiro Esporte Clube, foi em homenagem ao símbolo maior da pátria brasileira. Assim como o nome, o uniforme também sofreu mudanças. Antes verde e vermelho, em homenagem à bandeira italiana, o Clube adotou o azul e branco, inspirado pela seleção da Itália.
Nas décadas seguintes, o que se viu foi o crescimento de um gigante, especialmente após a inauguração do Estádio Magalhães Pinto, o Mineirão, onde o Cruzeiro conquistou os principais títulos da história do futebol de Minas Gerais. Com craques como Tostão, Piazza, Dirceu Lopes, Raul, Zé Carlos, Palhinha, Joãozinho, o fenômeno Ronaldo, Sorín, Alex, Fábio e tantos outros, o time passou a ser um dos clubes brasileiros com maior número de conquistas internacionais.

São dois títulos da Copa Libertadores (1976 e 1997), dois da Supercopa (1991 e 1992), um da Recopa (1999), um da Copa Ouro (1995) e um da Copa Master (1995). No âmbito nacional, o time azul foi quatro vezes campeão brasileiro (1966, 2003, 2013 e 2014) e, em quatro outras ocasiões, conquistou a Copa do Brasil (1993, 1996, 2000 e 2003).

Além dos títulos, o Cruzeiro é reconhecido mundialmente pela sua excelente estrutura e como um dos principais reveladores de talentos para o futebol, como aconteceu em relação a Ronaldo, Maicon, Gomes, Luisão, Wendell, Jussiê, Beletti e muitos outros.

Pesquisa, Texto e redesenho do escudo 3 e seu uniforme: Sérgio Mello
Fontes: Gazeta Sportiva Ilustrada, Site do Clube, Marlon Krüger Compassi
Outros telefones: 3349-1550/3492-2954
Títulos mineiros: 28, 29, 30, 40, 43, 44, 45, 56, 59, 60, 61, 65, 66, 67, 68, 69, 72, 73, 74, 75, 77, 84, 87, 90, 92, 94, 96, 97, 98 2 2003 e Super Mineiro 2002
Imagem do mascote: FMF
Presidentes  2014-2016: Gilvan de Pinho Tavares
2005: Alvimar de Oliveira Costa
1942: Ennes Ciro Poni
Hino  Autor: Jair Ambrosio

Existe um grande clube na cidade,
Que mora dentro do meu coração.
E eu vivo cheio de vaidade,
Pois na realidade é um grande campeão.

Nos gramados de Minas Gerais,
Temos páginas heróicas e imortais.
Cruzeiro, Cruzeiro querido,
tão combatido, jamais vencido.

Existe um grande clube na cidade,
Que mora dentro do meu coração.
E eu vivo cheio de vaidade,
Pois na realidade é um grande campeão.

Nos gramados de Minas Gerais,
Temos páginas heróicas e imortais
Cruzeiro, Cruzeiro querido,
tão combatido, jamais vencido.

Cruzeiro, Cruzeiro querido,
tão combatido, jamais vencido.
Escudos na linha do tempo  Clique aqui para ver os escudos e sedes usados por este time na linha do tempo
Escudos Anteriores  Cruzeiro/MG [BRA] Cruzeiro/MG [BRA] Cruzeiro/MG [BRA] Cruzeiro/MG [BRA] Cruzeiro/MG [BRA] Cruzeiro/MG [BRA]
Uniforme  Cruzeiro/MG [BRA]
Mascote  Cruzeiro/MG [BRA]