Fluminense/MG [BRA]

Atualizado em 28/07/2020
Nome Oficial Fluminense Futebol Clube
Fundação  10/01/1942
Status Atual  Licenciado
Endereço  Rua Mauro Cunha, 363
Bairro  Bosque
Cidade  Araguari
Estado  Minas Gerais
CEP  38440-102
País  Brasil
Retrospecto  Clique aqui para ver todos os campeonatos com participação deste time
Localização 
Telefone  (34) 3246-6955
Apelido(s)  Tricolor do Bosque
Mascote(s)  Raposa
Cores 
Equipe Ranqueada  Fluminense
Grafia Orig. 
Grafia Orig. Oficial 
CNPJ 
Site Oficial  fluminensearaguari.com
Outros Sites 
Outros Sites 
Estádios 
Juca Ribeiro, Uberlândia/MG, Brasil
Bernardo Rubinger Queiroz (Arena Mamoré), Patos de Minas/MG, Brasil
Sebastião César, Araguari/MG, Brasil
João Havelange (Parque do Sabiá), Uberlândia/MG, Brasil
Histórico 
Sede Campestre: Parque da Raposa, Rua Theodoreto Veloso de Carvalho, 2001 - Paineiras
Mudou de nome (Matriz FC para Fluminense FC) em 10/01/1942

Na praça da Matriz do Senhor Bom Jesus da Cana Verde, por iniciativa do vigário da Paróquia. Nascia o Matriz Futebol Clube que, pouco tempo depois, numa escolha democrática, a 10 de janeiro de 1942, virou Fluminense Futebol Clube, tendo as mesmas cores do xará do Rio de Janeiro.
O outro nome colocado na votação era Madureira Futebol Clube. O primeiro presidente oficial da Raposa foi Álvaro Lourenço de Souza, em 1943, funcionário público aposentado. Antes, comandou o time o padre Wilson Falcomer, da Paróquia do Senhor Bom Jesus.
O Tricolor do Bosque, como é carinhosamente conhecido, possui um grande prestígio no cenário esportivo mineiro e nacional, sendo sempre reconhecido e aclamado.
Ao longo da sua história, grandes personalidades se dedicaram ao clube, não medindo esforços para que o Fluminense honrasse cada vez mais o seu nome e o nome da cidade.
No dia 15 de janeiro de 1969, houve uma assembleia extraordinária para discutir a fusão entre Fluminense e Araguari. Dirigentes dos dois clubes estiveram na reunião.
A maioria concordou com a ideia, por entender que era o único meio de sobrevivência do futebol araguarino. No entanto, o presidente tricolor Wanderlei Pedro desistiu da fusão, pois não houve consenso quanto ao nome do novo clube, que inicialmente seria Araguari. Além disso, segundo ele, ocorreram divergências quanto aos nomes de alguns dirigentes.
Em março de 1975, na sede da ACIA, os dirigentes do Fluminense se reuniram para discutir a proposta de um grupo de empresários. Eles queriam construir um hotel de turismo no Estádio Sebastião César.
Os comandantes tricolores aprovariam a idéia, desde que o Clube recebesse a praça de esportes do ATC, com escritura em nome do Flu; a área para o novo estádio em local a ser escolhido pela diretoria, com todo o serviço de infra-estrutura feito pela Prefeitura; uma compensação financeira em moeda corrente; pagamento de dívidas fiscais do clube através dos empresários; garantia da cessão de outro estádio para que o clube continuasse as suas atividades até a construção do outro estádio.
No entanto, Oswando Monteiro disse que gastaria até o que não tinha para não permitir o negócio. "Não seria justo destruir o que se fez com tanta luta", disse.?Em 1951, foi disputado o 1º Campeonato do Triângulo, organizado pela Liga Araguarina de Futebol (LAF).
O torneio não contou com nenhum time da então maior cidade da região, Uberaba. O grande campeão foi o Fluminense Futebol Clube, de Araguari, que já havia conquistado o campeonato de sua cidade.
No dia 24 de novembro de 1957, o Fluminense Futebol Clube, foi o Primeiro clube de futebol do Brasil a disputar uma partida de futebol em Brasília-DF, contra a equipe do Guará, formada por operários da construção civil do Distrito Federal, na ocasião o Fluminense perdeu o jogo, "era dia de festa" para os candangos, no jogo de volta, a equipe Tricolor em Araguari massacrou a equipe do Guará, continuando a festa!

Fonte: site do clube

Títulos:
Campeonato Citadino de Araguari: (1958, 1959 e 1960)

Campeão do Triângulo Mineiro: (1951)
Campeão do Brasileirao Serie D (2003)
Campeão da Copa Dos amigos (1953) vencendo o Vasco da Gama na final por 3×1.
Títulos 
CompetiçãoQuantidadeTemporadas
Torneio Quadrangular Boulanger Fonseca11953
Torneio Regional do Triângulo11951
Presidentes 
2014: Carlos de Lima Barbosa
01/05/2010: José Antônio César da Silva
10/01/2008: Darli Jeová do Amaral
26/01/2005: Marcelo Luiz Alves
2001: Luiz Fernando Alves
17/01/1999-2001: Amélio Gabriel Cardoso Júnior (afastou-se em 2001)
23/01/1996: Marcelo Luiz Alves
20/01/1993: Cairo Antônio Guedes
12/01/1990: Francisco Jorge de Souza
21/02/1989: Luiz Fernando Alves (Junta governativa)
198?: Otto Dilson Dettmer
25/01/1986: Sebastião Araújo Guimarães (licenciado)
13/07/1985: Feliciano Lúcio Borges (Junta governativa)
14/07/1982: Oswando dos Santos Monteiro
14/07/1979: Raul Campos Júnior
05/05/1977: Silvio Nunes de Azevedo
03/03/1975: Raul Campos Júnior
05/03/1973: Raul Campos Júnior
20/02/1969: Oswando dos Santos Monteiro
09/12/1968: Wanderley Pedro Nadim (pediu demissão em 69)
1967: Raul Campos Júnior
22/01/1967: José Balbino de Moraes Filho (licenciado)
30/08/1966: José Balbino de Moraes Filho (Junta governativa)
25/08/1965: Gonçalo Guilherme Felizardo (Junta governativa)
20/07/1965: Argemiro Tomaz de Aquino (renunciou em agosto de 65)
11/06/1964: Sebastião Farias
08/11/1963: Benedito Lopes Pimenta (Junta governativa)
01/07/1962: Mauro Cunha
1962: Mário Abdala
18/01/1962: Antônio Maldonado Baena (renunciou em junho de 62)
22/01/1960: Mauro Cunha
16/01/1958: Sebastião César da Silva
25/01/1956: Sebastião César da Silva
26/08/1954: Walter Carili (substituto de Fernando, que pediu afastamento)
18/01/1954: Fernando Fernandes Netto
30/01/1952: Sebastião César da Silva
18/01/1950: Sebastião César da Silva
27/02/1947: Sebastião César da Silva
07/01/1946: Sebastião César da Silva
17/01/1944: Álvaro Lourenço de Souza
25/12/1943: Álvaro Lourenço de Souza
Hino 
Escudos na linha do tempo  Clique aqui para ver os escudos e sedes usados por este time na linha do tempo
Escudos Anteriores  Fluminense/MG [BRA] Fluminense/MG [BRA]
Uniforme(s)  Fluminense/MG [BRA]
Mascote(s) 
Bandeira(s) 
Flâmula(s)